Textos

Quantas vezes

01/04/2016

          Quantas vezes você achou que não dava e deu? Quantas vezes você achou que dava e não deu? Quantas vezes você quis acertar e errou? Quantas vezes, no erro, acertou?  Quantas vezes você deixou o amor passar? Quantas vezes ele te atropelou sem você se importar? Quantas vezes você se mudou sem notar? Quantas vezes você quis mudar e permaneceu? Quantas vezes você lutou e ganhou? Quantas vezes você ganhou e perdeu? Quantas vezes você chorou ao sorrir? Quantas vezes você riu ao se deixar partir? Quantas vezes você deixou a luz entrar? Quantas vezes a escuridão foi o seu lugar? Quantas vezes o mundo te deixou saudades? Quantas vezes você teve amigos de verdade? Quantas vezes você lutou por acreditar? Quantas vezes você acreditou sem lutar? Quantas vezes você sonhou sem realizar? Quantas vezes você realizou porque ousou sonhar? Quantas vezes você se iludiu? Quantas vezes você foi você sem querer? Quantas vezes você quis ser você, mas não soube como fazer? Quantas vezes você teve uma chance e dormiu? Quantas vezes a sorte te acordou e sorriu? Quantas vezes você sabia o que era certo e fez errado? Quantas vezes você injustiçou e foi injustiçado? Quantas vezes você quis se enganar, mas viu? Quantas vezes você viu e ainda assim se enganou? Quantas vezes você foi querendo ficar? Quantas vezes você ir sem querer foi se achar? Quantas vezes você deixou o mundo entrar? Quantas vezes você se trancou dentro de nenhum lugar? Quantas vezes você foi a presa de uma surpresa? Quantas vezes você surpreendeu porque não se rendeu? Quantas vezes você foi a boa notícia? Quantas vezes você foi o azar? Quantas vezes você desistiu? Quantas vezes você não deixou de tentar? Quantas vezes você morreu? Quantas vezes você viveu? Quantas vezes você? Quantas vezes você? Quantas vezes você vai ter de ouvir a vida dizer: Quantas vezes é preciso viver!

You Might Also Like

5 Comments

  • Reply Mario Alvim 02/04/2016 at 14:20

    Mesmo sobrenome e escritores, seríamos parentes sem saber? kk Adorei seus escritos uma grande escritora eis o que é. Parabéns. Sou autor de 5 livros, te sigo no facebook. Abço

    • Reply @domingas_admin 03/04/2016 at 02:29

      Obrigada, Mário… Coincidência de sobrenomes… Temos vários poetas na família. Você conhece o Francisco Alvim? Abção e boa sorte pra gente nessa profissão de letras e sonhos.

  • Reply Gustavo Brant 08/04/2016 at 09:12

    Me identifiquei praticamente com todo o texto. Adorei fazer algumas reflexões sobre as atitudes passadas e visualizar as consequências que obtive. Muitas delas boas e engrandecedoras, outras surpresas inesperadas, algumas desagradáveis mas que te ajudam a formar o seu caráter e índole. Parabéns pelo texto amiga!

  • Reply Gustavo Brant 08/04/2016 at 09:12

    Me identifiquei praticamente com todo o texto. Adorei fazer algumas reflexões sobre as atitudes passadas e visualizar as consequências que obtive. Muitas delas boas e engrandecedoras, outras surpresas inesperadas, algumas desagradáveis mas que te ajudam a formar o seu caráter e índole. Parabéns pelo texto amiga!

    • Reply Domingas Alvim 20/05/2017 at 20:31

      Fofura. você sempre lindo comigo! Obrigada por estar em minha vida!

    Leave a Reply