Amor/Sentimento Poemas Textos Vida/Auto-conhecimento

Balanço

18/07/2017

Quando eu era criança, meu pai me botava no balanço e me dizia: ‘vai, filha, voa, olha pro céu, olha pra nuvens, olha o mundo, tá vendo?, tudo é amplo, tudo é azul. E eu olhava praquele céu imenso, daquele balanço, do chão, tão pequena, e achava que o mundo era a coisa mais linda. Hoje eu também acho o mundo a coisa mais linda. Às vezes, ele não é tão azul, nem tão colorido, E às vezes ele não cabe num balanço. Mas às vezes ele cabe. E quando eu sinto isso, a vida toda faz sentido. E quando eu sinto que a vida senta comigo nesse balanço eu me digo: tá vendo?, vale a pena, vale muito a pena, estar vivo…

Crédito da foto: Myles Tan.

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply