Reflexão/comportamento Textos

Etiquetas sociais

08/09/2017

Mandamos carinhas bonitinhas pelo zap, quando, por trás estamos sem o menor saco pra dar ibope às amenidades alheias. Vemos as pessoas conversando assuntos pessoais nos grupos e pensamos: ‘realmente, bom senso não faz parte do senso comum’. Temos apenas dois amigos num grupo de 20 pessoas, mas não saímos por achar que aquilo poderia magoar aqueles que depois de dez anos de convivência nunca sequer valeram uma mensagem de voz, quanto mais uma ligação ou um papo profundo. Enchemos nossos argumentos de “hahaha kkkk rsrsrs” depois de dizermos coisas que, por trás, estão cobertas de agressividade e desprezo pelo discurso alheio. Aiai… Somos mesmo muito engraçados.  Criamos regras de etiqueta para todos os canais. Podemos agir livremente, desde que com as bocas e as palavras atadas aos costumes sociais. Ótimo. Somos mestres em esconder tudo o que pensamos por trás de nossas máscaras de emoticons fofinhos cheios de coraçõezinhos nos olhos. Maravilhoso. Depois algumas pessoas dizem que não gostam de teatro. Como não?!, se teatro é a coisa nós mais fazemos na vida?

Crédito da Foto: Matam Jaswanth

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply